spot_img
spot_img

▒G1▒Prefeitura de Ribeirão Preto confirma mais 6 mortes por coronavírus; cidade tem 1.563 casos positivos

Mais notícias

Total de óbitos subiu para 36, sendo cinco mortes confirmadas em 24 horas, segundo o prefeito Duarte Nogueira (PSDB). Taxa de ocupação em leitos de UTI chega a 61,2%.

Por G1 Ribeirão Preto e Franca


Região de Ribeirão Preto passa de 100 mortes de pacientes com Covid-19

A Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) confirmou nesta sexta-feira (5) mais seis mortes causadas por complicações do novo coronavírus. De acordo com o prefeito Duarte Nogueira (PSDB), cinco desses óbitos foram registrados nas últimas 24 horas. O total de mortes pela doença subiu para 36 no município.

Segundo a administração municipal, um dos óbitos foi registrado na segunda-feira (1). A paciente é uma mulher, de 57 anos, que tinha doença neurológica crônica. Ela estava internada em um hospital da rede pública de saúde.

As outras cinco mortes foram registradas nesta quinta-feira (4). Um dos pacientes é uma mulher, de 91 anos, que tinha doenças neurológica e pulmonar crônicas e hipertensão. Ela veio a óbito em um hospital público.

Um dos pacientes é um homem, de 73 anos, que tratava um câncer. Os outros dois pacientes também são homens, sendo um de 49 anos e outro de 85, que eram hipertensos. O outro óbito registrado, também de um homem, de 85 anos, que ainda não há informações sobre comorbidades. Todos estavam internados em hospitais da rede pública de saúde.

De acordo com a atualização do boletim epidemiológico desta sexta-feira, Ribeirão Preto registrou 83 novos casos e elevou o total para 1.563 pacientes confirmados com a Covid-19. Desde o início da pandemia, 3.996 casos que eram considerados suspeitos já foram descartados após resultados negativos de exames.

Dos 1.563 casos, 1.352 apresentaram sintomas de síndrome gripal, como coriza e febre. Os outros 211 pacientes desenvolveram síndrome respiratória aguda grave (SRAG), considerado o quadro mais crítico da infecção pelo Sars-Cov-2.

Com os novos registros, Nogueira informou que o índice de letalidade da doença na cidade é de 2,3%, sendo 5,12 pessoas mortas para cada 100 mil habitantes.

Hospitais

A cidade também registra um aumento na taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nas redes pública e particular. Das 121 vagas exclusivas para tratamento de pacientes com sintomas do novo coronavírus, 74 estão ocupadas, o que representa 61,2%.

Com relação aos leitos de enfermaria, a taxa de ocupação chega a 52,9%, com 101 dos 191 leitos reservados com pacientes com sintomas da Covid-19.

Prefeito de Ribeirão Preto (SP), Duarte Nogueira (PSDB) em live nesta sexta-feira (5) — Foto: Reprodução/Facebook

Prefeito de Ribeirão Preto (SP), Duarte Nogueira (PSDB) em live nesta sexta-feira (5) — Foto: Reprodução/Facebook

Em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais na tarde desta sexta-feira, o prefeito Duarte Nogueira voltou a pedir para a população ficar em casa. Nogueira disse que a flexibilização das regras não representa o fim da quarentena, e que pode rever a decisão que permitiu a reabertura das lojas caso haja desrespeito às orientações.

“De todas as informações que temos passado nos últimos dias, a mais importante é que a quarentena não acabou. Acompanhamos a movimentação, especialmente no Centro, e a conscientização depende de cada um de nós sobre a responsabilidade coletiva. É preciso ficar em casa sempre que possível. Não hesitaremos em retroceder e adotar novamente as restrições que estávamos realizando antes de 1 de junho”, disse.

Perfil das mortes confirmadas

Segundo um levantamento feito pela prefeitura, as mortes de mulheres representam 53% do total. No geral, a faixa etária dos 70 aos 89 anos concentra o maior número de óbitos, 20 mortes. Pessoas com doença cardiovascular crônica representam 47% do total, seguida de pessoas com diabetes, que representam 42% do total de óbitos.

  • 26/03: homem, 36 anos, era imunodeficiente e tinha doença renal crônica. Estava internado em hospital público.
  • 03/04: homem, 76 anos, sem comorbidades. Estava internado em hospital privado.
  • 04/04: mulher, 89 anos, tinha doença neurológica crônica. Estava internada em hospital público.
  • 05/04: homem, 57 anos, tinha diabetes mellitus e doença cardiovascular crônica. Estava internado em hospital público.
  • 13/04: homem, 87 anos, tinha doença cardiovascular crônica, doença neurológica crônica. Estava internado em hospital público.
  • 23/04: homem, 73 anos, tinha diabetes mellitus e doença pulmonar crônica. Estava internado em hospital público.
  • 25/04: homem, 79 anos, tinha doença cardiovascular crônica, doença neurológica crônica. Estava internado em hospital privado.
  • 26/04: mulher, 70 anos, tinha diabetes mellitus e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital privado.
  • 09/05: mulher, 88 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital privado.
  • 10/05: mulher, 51 anos, tinha diabetes, doença cardiovascular crônica e doença pulmonar crônica. Estava internada em hospital privado.
  • 12/05: mulher, 76 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital público.
  • 14/05: mulher, de 80 anos, tinha doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital público.
  • 14/05: homem, de 68 anos, tinha doença cardiovascular crônica e diabetes. Veio a óbito em casa.
  • 15/05: mulher, de 58 anos, tinha diabetes. Veio a óbito em casa.
  • 16/05: homem, de 41 anos, com obesidade grau 3 e hipertensão arterial. Estava internado na Santa Casa.
  • 19/05: homem, de 73 anos, tinha doença cardiovascular crônica e doença hepática crônica. Estava internado em hospital público.
  • 20/05: mulher, de 85 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital particular.
  • 23/05: mulher, de 94 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital particular.
  • 24/05: homem, de 64 anos, tinha diabetes, doenças cardiovascular e renal crônicas. Estava internado em hospital público.
  • 24/05: mulher, de 73 anos, tinha síndrome metabólica. Estava internada em hospital público.
  • 25/05: mulher, de 99 anos, tinha diabetes e hipertensão. Estava internada em hospital público.
  • 25/05: mulher, de 80 anos, tinha doenças cardiovascular e neurológica crônicas. Estava internada em hospital público.
  • 26/05: homem, de 74 anos, tinha diabetes e hipertensão. Estava internado em hospital público.
  • 26/05: mulher, de 71 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada em hospital público.
  • 29/05: mulher, 67 anos, tinha doença cardiovascular crônica e hipertensão. Estava internada em hospital público.
  • 30/05: homem, de 67 anos, tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internado em hospital particular.
  • 31/05: mulher, 80 anos, tinha diabetes e hipertensão. Estava internada em hospital público.
  • 01/06: homem, 55 anos, tinha hipertensão. Estava internado em hospital público.
  • 01/06: mulher, 57 anos, tinha doença neurológica crônica. Estava internada em hospital público.
  • 02/06: mulher, 84 anos, tinha hipertensão. Estava internada em hospital público.
  • 03/06: mulher, 64 anos, doença cardiovascular crônica e diabetes. Estava internada em hospital público.
  • 04/06: homem, 85 anos, não há informações sobre comorbidades. Estava internado em hospital público.
  • 04/06: homem, 73 anos, tinha câncer. Estava internado em hospital público.
  • 04/06: mulher, 91 anos, tinha doenças neurológica e pulmonar crônicas e hipertensão. Estava internada em hospital público.
  • 04/06: homem, 49 anos, tinha hipertensão. Estava internado em hospital público.
  • 04/06: homem, 85 anos, tinha hipertensão. Estava internado em hospital público.
Ribeirão Preto
céu pouco nublado
26 ° C
26 °
26 °
73 %
2.6kmh
20 %
sáb
35 °
dom
37 °
seg
38 °
ter
35 °
qua
32 °

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Últimas notícias