spot_img
spot_img

Escola na TV tem mais de 11 mil visualizações no primeiro dia de transmissão

Mais notícias

Programa vai ao ar na TV Câmara de segunda a sexta-feira, com veiculação simultânea no Facebook e Youtube pelo canal Escola na TV Ribeirão Preto

Com mais de 8,9 mil visualizações na página do Youtube e 2,6 mil no Facebook, teve início nesta segunda-feira (3) a transmissão do programa Escola na TV, uma parceria entre a Prefeitura de Ribeirão Preto, por meio da Secretaria Municipal da Educação, e a Câmara de Vereadores. As teleaulas atenderão os cerca de 47 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino, desde a Educação Infantil à Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O primeiro dia foi marcado por atividades físicas para alunos da Educação Infantil; cultura brasileira e lendas para os anos iniciais do Ensino Fundamental; alimentação saudável para os 4º e 5º anos do Fundamental I, aulas de Inglês para alunos do 6º ao 9º ano do Fundamental II e alfabetização e geometria para a Educação de Jovens e Adultos. Pais e familiares compartilharam fotos dos filhos acompanhando as atividades.

O programa irá ao ar de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, na TV Câmara, pelo canal 31.4 da TV digital, e pela página Escola na TV Ribeirão Preto no Facebook e no Youtube. A parceria visa oferecer atividades complementares às medidas tomadas pela Prefeitura desde que as aulas presenciais foram suspensas em decorrência da pandemia do novo coronavírus, no último mês de março.

“Nossos professores e equipe pedagógica se uniram para tornar esse projeto realidade e, assim, oferecer um conteúdo complementar às atividades de ensino remoto durante a pandemia. Essa iniciativa é fundamental para garantirmos acesso mais democrático às atividades escolares remotas, para fazer com que os estudantes mantenham o hábito dos estudos. E a TV é um veículo de comunicação que proporciona maior acesso, ainda mais em um canal aberto como a TV Câmara”, disse o prefeito Duarte Nogueira.

A gravação e transmissão ocorrerão nos estúdios da TV Câmara, tanto com aulas ao vivo, com possibilidade de interação simultânea entre alunos, professores e até mesmo familiares, quanto com conteúdos gravados cedidos por parceiros da Secretaria da Educação, como o Centro de Mídias, do Governo do Estado, e o projeto Vamos Aprender, da Fundação Lemann.

A grade de programação será separada por etapa de ensino e trabalhará com os temas: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas e temas transversais. As teleaulas contarão, ainda, com o apoio de intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais). Para envio de dúvidas de pais e alunos, bem como compartilhamento de conteúdo, foi criado um canal de Whatsapp por meio do número (16) 3977-9109.

 De acordo com o secretário da Educação, Felipe Elias Miguel, a parceria será mantida no período pós-pandemia como alternativa para oferecer atividades pedagógicas complementares, mitigando e corrigindo as consequências da defasagem na aprendizagem dos alunos da rede municipal durante o período de distanciamento social.

“O objetivo é oferecer conteúdo educacional de qualidade para ser veiculado na TV aberta como estratégia de atingir a maior quantidade de alunos possível durante o ensino remoto. As teleaulas estão alinhadas com o referencial curricular do município e o nosso objetivo é oferecer igualdade de condições para o acesso ao ensino, garantir a permanência do aluno na escola, orientar famílias e auxiliar alunos na realização das atividades escolares, bem como fortalecer o vínculo entre escola, alunos e famílias”, disse o Secretário.

Ensino remoto

         As aulas presenciais da rede municipal de ensino foram suspensas em 23 de março, após publicação do decreto de estado de calamidade pública, que interrompeu o funcionamento dos serviços não essenciais devido à pandemia do novo coronavírus. A partir daquela data, as escolas municipais adotaram a modalidade de ensino remoto, numa parceria entre diretores e vice-diretores, coordenadores pedagógicos, docentes e Secretaria para planejar ações e atividades.

O Programa Escola na TV soma com as parcerias firmadas com o Google for Education e com o Centro de Mídias, do Governo do Estado de São Paulo, que possibilitam outras ferramentas de transmissão e realização das atividades pedagógicas não presenciais. Os estudantes que não têm acesso à internet, ou mesmo celular ou computador para acompanhar as atividades, têm a opção de retirar os conteúdos impressos na escola.

Programação de terça-feira (4):

  • 8h – 8h30: Abertura
  • 8h40 – 9h: Educação Infantil | Cantando e brincando com os três porquinhos
  • 9h10 – 9h55: Ensino Fundamental I (anos iniciais) | Reciclagem
  • 10h05 – 10h50: Ensino Fundamental I (4º e 5º anos) | Matemática: aprender brincando
  • 11h – 11h45: Ensino Fundamental II (6º e 7º anos) | Matemática: frações
  • 11h55 – 12h25: EJA I (Alfabetização) | Alfabetização e empreendedorismo
  • 12h35 – 13h05: EJA II (6º ao 9º ano) | Vacinas
  • 13h15 – 14h: Ensino Fundamental II (8º e 9º anos) | Matemática: equação de 1º grau
Ribeirão Preto
nuvens dispersas
33 ° C
33 °
33 °
40 %
2.1kmh
40 %
dom
36 °
seg
37 °
ter
36 °
qua
34 °
qui
34 °

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Últimas notícias