spot_img

Três startups de Ribeirão Preto estão entre as mais atraentes do país em 2020

Mais notícias


Reconhecimento é inédito e foi concebido pela premiação TOP 100 Open Startups 2020

Três startups ribeirãopretanas integram a lista das 10 startups brasileiras mais atraentes para o mercado corporativo na área da saúde, de acordo com o Ranking das 100 Open Startups, divulgado dia 11.  As empresas Carefy, ONKOS e Glucogear participaram da quinta edição do prêmio, que é uma iniciativa da 100 Open Startups, plataforma líder em Open Innovation no país.

A edição deste ano teve participação recorde de 13.177 empresas. Destas, 1.310 (cerca de 10%) foram aprovadas como candidatas ao Ranking 100 Open Startups 2020.

Yuri Matsumoto, CEO e sócio da GlucoGear, afirmou que ficou surpreso e animado por estar entre as TOP 10 da sua categoria. “Ficar entre as TOP 10 health techs no ranking da 100 Open é um reconhecimento importante sobre o potencial da nossa empresa e de nossas soluções para trazer uma grande inovação no tratamento do Diabetes. O prêmio não seria possível sem o trabalho árduo e apaixonado de cada membro do time. Além disso, a incubação no Supera Parque nos proporciona um ecossistema e recursos preciosos para o estágio inicial de uma empresa que tem um sonho grande”.

Para o CEO da Onkos, Marcos Santos, este resultado é fruto de um trabalho sério e de cooperação entre entidades. ”Este é o terceiro ano que a Onkos figura neste ranking. Para nós que sofremos muito com a pandemia, manter o crescimento e o relacionamento com o mercado corporativo foi especialmente desafiador. É um reconhecimento muito grande e uma vitrine muito importante para que o mercado veja como estamos impactando de forma real a vida dos pacientes e economizando recursos para o sistema de Saúde. Estar em um ecossistema como o Supera foi decisivo para manter o crescimento acelerado mesmo em meio a tamanha adversidade”, explica.

Marcelo Santos, CEO e Sócio da Carefy, também destacou o fato de que essa premiação abre portas e mostra que a empresa segue o rumo certo. “Estar pelo segundo ano seguido entre as 10 HealthTechs mais atraentes para o mercado corporativo só nos dá mais certeza que estamos no caminho certo e que a Carefy está conseguindo fazer a diferença na saúde junto a cada um de seus clientes!”, finaliza.


O ranking completo pode ser conferido através do link 100os.net/Anuncio_Ranking2020.

Premiação

Idealizado pela 100 Open Startups, o Ranking 100 Open Startups é resultado de um processo anual que mede a atratividade das startups de forma objetiva, por meio das relações de inovação aberta registradas e validadas entre empresas e startups no ano.

De acordo com Bruno Rondani, CEO da 100 Open Startups, o crescimento do Ranking em 2020 mais do que dobrou em relação à edição anterior, o que evidencia o amadurecimento de todo o ecossistema. “A pontuação do ranking mede a quantidade e intensidade dos relacionamentos firmados entre startups e o mercado corporativo. Na edição deste ano, as startups somaram 34.677 pontos, contra 14.859 de 2019”, destaca.

Além do TOP 100 Startups e dos TOP Categorias, a edição 2020 também contou com TOP Open Corps (grandes empresas mais engajadas com startups), TOP Investidores e TOP Ecossistema, que foram indicados pelas startups no formulário de cadastro dos contratos e validados pelos mesmos. Para acessar a lista completa, acesse o link: 100os.net/Ranking2020.

Sobre a 100 Open Startups

A 100 Open Startups é uma plataforma líder em open innovation. Possui foco na conexão de oportunidades de inovação entre empresas, startups, comunidade científica e investidores. São responsáveis pela Open Innovation Week – Oiweek, plataforma de eventos referência no setor, criada em 2008, e pelo Ranking 100 Open Startups, criado em 2016. O modelo de negócios é baseado no atendimento a grandes empresas e investidores que buscam curadoria de startups, e no apoio a startups que buscam clientes e investidores. O time é liderado por Bruno Rondani, Rafael Levy e Carla Colonna, que, juntos, contribuem na formação da comunidade de open innovation no Brasil desde 2008, com a criação da primeira edição da Oiweek. A plataforma conta com cerca de 13 mil startups, 130 universidades, 3 mil empresas e 3 mil investidores-anjo, com mais de 17 mil negócios registrados entre os participantes, totalizando R$ 1 bilhão em transações de open innovation desde a sua criação.

Atenciosamente,

Ribeirão Preto
nuvens quebradas
17.8 ° C
17.8 °
17.8 °
59 %
1kmh
65 %
ter
31 °
qua
32 °
qui
30 °
sex
32 °
sáb
32 °

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Últimas notícias